Como as startups inovam o design e o modelo dos escritórios

como-as-startups-inovam-o-design-e-o-modelo-dos-escritórios-1

O espaço físico dos escritórios pode influenciar a forma como a equipe trabalha, interferindo na criatividade, na inovação e, por consequência, na produtividade. É por isso que, no geral, as startups procuram inovar nos projeto de seus escritórios.

Espaços diferentes, que reúnam a equipe e deixem todos mais a vontade para criar, fazem parte da maioria dos ambientes desse tipo de negócio.

Vamos passar alguns conceitos utilizados pelas startups para você analisar se é interessante implementar na sua empresa.

Talvez uma nova área para estimular alguns potenciais da sua equipe. Ou talvez uma renovação total do escritório, incluindo um novo projeto de mobiliário corporativo totalmente atualizado com as tendências mundiais de escritórios de alta performance.

Veja algumas características deprojetosdas startups para e inspire-se!

Ambientes abertos e colaborativos fazem parte das startups

Ambiente aberto para atividade colaborativa e sala de reuniões ao fundo com Divisórias de vidro. Escritório multispace com mobiliário da RS Design.

Ambiente aberto para atividade colaborativa e sala de reuniões ao fundo com Divisórias de vidro. Escritório multispace com mobiliário da RS Design.

Ambiente com estações de trabalho e sala com Divisórias de vidro. Atividades compartilhadas e atividades focadas com ambientes adequados e estimulantes. Mobiliário da RS Design.

Ambiente com estações de trabalho e sala com Divisórias de vidro. Atividades compartilhadas e atividades focadas com ambientes adequados e estimulantes. Mobiliário da RS Design.

A maneira como as pessoas se relacionam, interagem e fazem negócio vem mudando e as startups estão atentas a isso. É por isso que, a maioria delas investe em ambientes diferenciados. O escritório padrão não é uma opção para esse tipo de empresa.

Por isso, um dos pontos que faz parte da decoração e estilo de ambiente de uma startup é ter um espaço aberto, que facilite a colaboração entre as pessoas e a interação no local de trabalho.

Dessa forma, as famosas divisórias fechadas, que deixam o ambiente cheio de pequenas salas, já não funcionam mais. Uma opção que pode ser utilizada é a Divisória de Vidro, que permite conforto sonoro, mantendo a amplitude do ambiente.

Os ambientes abertos facilitam na hora de discutir um projeto ou saber a opinião dos colegas sobre algo. Além disso, estimula o desenvolvimento de novas ideias, algo essencial para que essas empresas se mantenham vivas.

O estilo dos móveis também mudou

Ambiente flexível que pode ser utilizado para treinamento, reunião, convivência, e atividades colaborativas. Mobiliário da RS Design.

Ambiente flexível que pode ser utilizado para treinamento, reunião, convivência, e atividades colaborativas. Mobiliário da RS Design.

Assim como o fim das divisórias fechadas, o estilo dos móveis também mudou. Essas empresas se preocupam, ainda mais, com o design escolhido, para que ele combine com o a imagem da empresa e faça a equipe se sentir à vontade para atuar.

Mesas, bancadas, arquibancadas, armários, pufes, sofás, cadeiras, tudo deve estar de acordo com o estilo da startup. Os móveis devem levar conforto e, ao mesmo tempo, estimular a equipe. É preciso ter um bom projeto e planejamento para alcançar o resultado almejado.

Claro que, tudo isso, sem se esquecer da importância da ergonomia, pois o bem-estar das pessoas envolve e muito o quesito saúde.

As cores e estilos, de alguma forma, devem transmitir a imagem da empresa. Ao mesmo tempo, é preciso ter cuidadopara não lotar o ambiente de móveis, tornando a circulação inviável.

O projeto adequado, pensado e planejado será fundamental para que o ambiente fique muito além de bonito e sim, funcional!

Sala de reuniões é permitida

“Casinha acústica” para uma reunião mais informal ou atividade focada, permitindo conforto acústico e visual. Mobiliário planejado, sofás, mesas e banqueta da RS Design.

“Casinha acústica” para uma reunião mais informal ou atividade focada, permitindo conforto acústico e visual. Mobiliário planejado, sofás, mesas e banqueta da RS Design.

Embora existam menos salas, é comum que, vez ou outra, haja a necessidade de uma reunião com parte da equipe ou apenas com um cliente. Por isso, é indicado ter um espaço especial para essa finalidade. Contudo, é permitido ter um ambiente mais descolado e até com um toque de informalidade. Novamente a dica é a Divisória de Vidro que permite certa privacidade, sem perder a visão total do escritório.

Outro recurso bacana são as reuniões em “casinhas acústicas”, que podem ser instaladas no meio de uma área de staff,por exemplo, e permitem um conforto acústico e visual, tanto para uma reunião, como para um trabalho em grupo ou até uma atividade mais focada.

Espaços flexíveis

São criados espaços para as pessoas escolherem onde e como querem trabalhar. Áreas que permitam conectividade e uso de eletrônicos e que oferecem diversos estímulos para interação das equipes.

Esta tendência de “mutispace” é o grande conceito de empresas mundialmente famosas, como Facebook, Linkedin, Google, Booking, Salesforce, Airbnb, entre outros. E o objetivo é justamente estimular a colaboração e o dinamismo das pessoas dentro do escritório. Isso permite que novas e efervescentes ideias se propaguem no ambiente.

Escritório do Booking no Vale do Silício, E.U.A., visitado pela CEO da RS Design, Lisandra Mascotto.

Escritório do Booking no Vale do Silício, E.U.A., visitado pela CEO da RS Design, Lisandra Mascotto.

Precisa inovar no mobiliário do seu negócio? Fale conosco! Estamos prontos para te ajudar!

Comentários
0 Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>