Building of the year – Prédio vencedor na categoria Office segue as tendências da arquitetura corporativa?

Sede corporativa de imobiliária na Áustria venceu a categoria Offices do Building of the Year Awards

Sede corporativa de imobiliária na Áustria venceu a categoria Offices do Building of the Year Awards

Promovido pelo ArchDaily, o Building of the Year Awards é considerado o maior prêmio de arquitetura crowdsourced do mundo por apontar os projetos mais significativos do ano de acordo com a opinião da audiência. Em 2019 a disputa envolveu mais de 400 projetos que após uma seleção rigorosa definiu 15 vencedores.

Na categoria “Offices”, o projeto da sede corporativa da imobiliária C&P, na Áustria, foi o grande vencedor. Mas o que esse design criado pelo escritório de arquitetura Innocad tem de interessante e que se alinha com o que estamos discutindo na atualidade quando falamos em arquitetura corporativa?

Pensado em formato de cubo, o prédio é organizado em concreto revestido por vidro. Dessa forma, com paredes predominantemente transparentes, não há restrição da entrada de luz natural. Considerando que a luz solar é um grande ponto de combate ao estresse no ambiente de trabalho, a construção deste prédio premiado está de acordo com as principais diretrizes do bem-estar corporativo. Essa entrada de luz é controlada pelos usuários do espaço que contam com persianas em tecido que podem ser baixadas para reduzir a luminosidade em casos de necessidade (como para uma apresentação projetada, por exemplo).

A fachada da imobiliária C&P é mutante pois as persianas que podem ser abertas ou não criam um desenho único a cada dia.

A fachada da imobiliária C&P é mutante pois as persianas que podem ser abertas ou não criam um desenho único a cada dia.

Outro ponto que merece destaque dentro do projeto dessa imobiliária austríaca é a variedade de assentos. Aqui no Espaço do Arquiteto sempre relatamos que é interessante oferecer possibilidades diversas aos trabalhadores. Assim, eles podem escolher o melhor local para desempenhar cada uma das atividades que lhes são atribuídas.

Além de mesas com banquetas altas, poltronas e pufes, o espaço oferece as tradicionais estações de trabalho bem como sofás e salas de reuniões privativas. Com tantas opções, o usuário pode estar em constante movimento dentro do espaço de trabalho, o que é fundamental para a manutenção da saúde como já relatamos NESTE POST sobre a arquitetura corporativa que incentiva o movimento.

No interior do edifício da imobiliária C&P, tons de verde contribuem com o clima harmonioso por remeterem à natureza.

No interior do edifício da imobiliária C&P, tons de verde contribuem com o clima harmonioso por remeterem à natureza.

A utilização de tonalidades esverdeadas também é um ponto de combate ao estresse. E esse projeto apostou nos tons verdes para compor sua decoração, seja pela inserção de tapetes e carpetes nessa cor, seja pela aposta de plantas espalhadas pelo espaço. Falando em plantas e no vínculo com a natureza que o ser humano vem perdendo ao estar a cada dia mais imerso em construções e na vida digital, a biofilia é um dos temas que vem ganhando destaque na arquitetura corporativa e você pode entender um pouco mais sobre esse assunto clicando AQUI.

A inserção de plantas no ambiente corporativo contribui com a sensação de bem-estar dos trabalhadores. Na imobiliária C&P, que venceu o prêmio, as plantas são discretas e bem espalhadas pelo espaço.

A inserção de plantas no ambiente corporativo contribui com a sensação de bem-estar dos trabalhadores. Na imobiliária C&P, que venceu o prêmio, as plantas são discretas e bem espalhadas pelo espaço.

Com um átrio que se estende do térreo até o telhado, conectando todos os andares, o edifício cria zonas comuns para circulação que auxiliam na integração das equipes e promovem maior sociabilidade ao espaço de trabalho. Nessas áreas os pares se cruzam, conversam e trocam ideias, tudo regado à muita luz natural. E como socialização é fundamental para o bem-estar (conforme você pode ler NESTE POST), mais uma vez o projeto está seguindo as principais tendências para a construção de um espaço de trabalho harmonioso, humano e promotor de saúde.

O planejamento de um espaço de trabalho que tenha características capazes de interferir diretamente na produtividade e na motivação das equipes é o que mais se destaca na arquitetura moderna. Escritórios dedicados à elaboração de projetos corporativos estão a cada dia mais vinculados aos conceitos de neuroarquitetura e aos estudos capazes de embasar detalhes sobre como o espaço físico interfere diretamente nas ações e reações dos seres. Se ainda não está familiarizado com o termo neuroarquitetura, clique AQUI para saber
mais a respeito.

Voltar para home Espaço do Arquiteto
Comentários
0 Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>